quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Bezerro "divino" nasce com cruz na testa.



Família americana acha que o bovino é um enviado do céu´.
Todo mundo sabe que as vacas são sagradas na Índia. A gente nem sabe direito qual é a religião dos indianos (em tempo, a maioria deles é hindu) ou que língua eles falam (de novo, a maioria fala hindi). Mas, a gente conhece a história de que na Índia ninguém come carne de vaca e que lá os bovinos andam soltos pelas ruas.
Bem, a cidade de Sterling não fica na Índia. Esse vilarejo rural está incrustado na divisa dos Estados de Connecticut e Rhode Island, no leste dos Estados Unidos. Mas lá, os moradores estão falando que um bezerrinho é um enviado do céu.
Moses (Moisés, em inglês) nasceu com uma marquinha em forma de cruz na testa. Foi o suficiente para que todos na cidade achassem que o animal trazia uma mensagem de Deus.
Seu dono, Brad Davis, acredita que o boizinho é sagrado. No entanto, o americano ainda não conseguiu decifrar a mensagem que o bovino teria trazido do céu.
Em entrevista ao jornal Norwich Bulletin, o professor Ric Grummer dava a entender que, mais uma vez, a ciência iria acabar com a fé das pessoas. Segundo o cientista, é bem normal um boi Holstein como Moses nascer com algumas marcas brancas. No entanto, sua revelação seguinte foi surpreendente.
- Uma marca de forma de cruz é bem incomum. Eu diria que o sinal de Moses é único.







1 comentários:

Cida Gomes disse...

AFF...

Postar um comentário

Deixe um comentário

 
Pesquisa personalizada