domingo, 15 de novembro de 2009

A igreja que pode tudo


Inclusiva de portas abertas para os homossexuais



É possível deixar de ser homossexual como se desliga um botãozinho? A nova Igreja Inclusiva do Recife entende que não. E ela abre as portas para gays e lésbicas que sentem vontade de seguir a Cristo, mas enfrentam barreiras em outros templos religiosos, sejam católicos ou evangélicos.

Segundo Timóteo Reinaux, as "deformações" de caráter vão sendo modificadas aos poucos, por Deus, e não por nós. Foto: Alcione Ferreira/DP D.A Press
O alvo prioritário é a minoria que se afastou do convívio com Deus ao ser vista com preconceito por outras religiões. A maior diferença da Inclusiva e de outras cristãs tradicionais é que ela não defende a "cura espiritual" para quem gosta de alguém do mesmo sexo e aceita todos os públicos. Ao contrário do que se pode imaginar, a doutrina não é permissiva a tudo. Para entender o que ela prega, é preciso ir além das palavras grafadas na Bíblia atual e se permitir a novas interpretações sobre o contexto histórico no qual os textos foram escritos há mais de três mil anos.

A Igreja Inclusiva no Brasil nasceu em São Paulo, há cerca de cinco anos, mas ainda é nova no Recife. Ela ainda não possui sedes tradicionais e está dividida em duas denominações: a Comunidade Cristã Nova Esperança (CCNE) e a Progressista. Seus integrantes ainda se reúnem em casas ou realizam cultos em lugares mais discretos, como o laguinho da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). O objetivo prioritário é resgatar aqueles que abandonaram as igrejas tradicionais e passaram a ter uma vida descompromissada com os ensinamentos de Cristo.

Sim, eles estão abertos a qualquer um que esteja disposto a buscar uma mudança de vida, como abandonar a bebida em excesso, as drogas, o sexo promíscuo, o adultério, entre tantos outros. "As deformações de caráter vão sendo modificadas aos poucos, por Deus, e não por nós", afirmou Timóteo Reinaux, obreiro da CCNE. Ele morava em São Paulo, onde frequentava um templo da mesma denominação. Chegou ao Recife neste ano para abrir uma célula.Para ser membro de ambas as denonimações, é preciso professar a fé em Cristo, participar do estudo da Bíblia e dos cultos. E só então ser batizado nas águas. Depois de cumprir todas as etapas, pelo menos por um dos cônjugues, é permitido o "casamento", ou bênção matrimonial para casais do mesmo sexo. À essa altura, o leitor pode estar se perguntando, com base no que ouviu de geração em geração: "mas a homossexualidade não é pecado?" Para as Igrejas Católicas e Evangélicas do Brasil, a resposta é sim. Sentir prazer sexual com alguém do mesmo sexo é visto como "abominação" (toebah). Mas a Igreja Inclusiva Cristã entra nesse debate de forma diferente.

Uma das polêmicas mais conhecidas está no Antigo Testamento, no livro de Levítico, capítulo 18;22 cujo texto é duro contra a homossexualidade. "Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é", diz o versículo 22. Segundo o sociólogo e pastor Bruno Lima, o primeiro a coordenar a sede regional da CCNE, no Rio Grande do Norte, o mesmo Levítico traz orientações que não são seguidas pela sociedade, porque proíbe a ingestão de moluscos e porco, por exemplo, além do corte de cabelo e da barba. Ele frisou, contudo, que nada disso mais é defendido nos cultos, exceto o versículo 22. Ainda assim, de forma equivocada.

De acordo com Bruno Lima, a frase exemplifica um conjunto de rituais que condicionava as atividades sacerdotais dos levitas, homens que tinham a tarefa de cuidar do templo. A palavra "toebah" significa sacrilégio e, em outros momentos, é usada no sentido de ritual. "Os capítulos 17 a 26 faziam parte de um documento denominado código de santidade, que tentava condenar práticas comuns entre os cananitas, povo que adorava o deus moloque e a ele prestava rituais de idolatria", afirmou, acrescentando que, na época, era muito comum a realização de sexo entre homens cananitas durante culto a deuses estranhos. Por isso, de acordo com Bruno Lima, precisava ser tão ressaltado para que os levitas não fizessem o mesmo. "O que Deus proibia era o sexo promíscuo e feito em rituais", frisou. 



Doutrina ainda pouco conhecida

Formada por um público jovem, a Inclusiva ficou mais conhecida no Recife após o "sim" mais polêmico do ano, quando os arquitetos Turíbio e Zezinho Santos oficializaram a união, em setembro passado, e receberam uma bênção religiosa na Coudelaria Souza Leão, na Várzea. Mas a doutrina ainda é pouco conhecida. Embora a Comunidade Cristã Nova Esperança (CCNE) exista desde 2002 em São Paulo, ela só se transformou em "célula" na capital a partir deste ano. O que seria uma célula, então? Segundo o obreiro Timóteo Reinaux, é uma reunião frequente de pessoas, mas ainda sem número suficiente para manter a estrutura de uma sede.

Reinaux conta que o grupo da CCNE no Recife se reúne há quase seis meses na Rua Elpídio Monteiro, nº 18, na Imbiribeira, Zona Sul da capital, e pode ser localizado no Orkut ou pelo e-mail ccnerecife@hotmail.com. Os integrantes se encontram de 15 em 15 dias, realizam cultos, estudam a teologia inclusiva e a Bíblia. Segundo ele, a Inclusiva segue uma doutrina semelhante a de igrejas evangélicas mais abertas, com a diferença que não prega "cura espiritual", nem qualquer tipo de terapia para o público-alvo.

De acordo com o obreiro, as pessoas precisam entender que a homossexualidade não é uma opção e sim uma característica, como a própria cor da pele e dos olhos. "Não se sabe qual a origem, se social ou genética, mas não podemos mudar essa orientação. Muitas pessoas passam por essas terapias, oram, jejuam. E não deixam de sentir atração pelo mesmo sexo, sentem-se culpadas e vivem infelizes a vida inteira", acrescentou.

Para entrar na Igreja Progressistas de Cristo, que também não tem sede, a seleção é mais rigorosa. O contato só é possível no site http://www.todosdejesus.fr.gd/. Nesse ambiente virtual, a pessoa interessada manda um e-mail e recebe uma resposta direta do pastor Kleyton Pessoa. Segundo ele, os encontros acontecem há mais de um ano. Seus integrantes são mais discretos, porque alguns ainda estão ligados a igrejas tradicionais. "Procuramos não expor nosso público".

De Natal, o pastor BrunoLima cita um versículo bíblico ao ser questionado porque a igreja só veio surgir recentemente. "A Bíblia nos fala que há tempo para tudo. A humanidade não está esquecida por Deus. Pois, no tempo certo, os negros e as mulheres foram libertos e assumiram a devida importância na sociedade", declarou. 



Fonte: Diario de Pernambuco

9 comentários:

c a s a n a r o c h a disse...

Infelizmente muitos chamam isso aí de igreja. Na realidade não é igreja, mas uma reunião de pervertidos não-regenerados. Creio que um homossexual, de qualquer tipo, pode ser transformado por Deus no momento em que se converte. Ele entra na igreja como homossexual, ou travesti, ou outra coisa e sai completamente regenerado, livre do poder do pecado na sua vida, podendo levar uma vida digna, como um homem ou mulher de Deus, abandonando toda a velha vida. 2 Corintios 5:17. Mas infelizmente, esses pastores e essas igrejas querem mesmo é o fermento do pecado inchando dentro delas. Que Deus tenha misericórdia dessas pessoas.

http://casanarocha.blogspot.com/

Neto disse...

Como se o UNICO texto que falasse CONTRA a homossexualidade fosse esse de Levitico...

É triste, mas sempre se arruma um "jeitinho" pra permitir a abominação e o que Deus odeia nas igrejas.

Há uma desculpa pra imagens, para terços, para água benta, para incenso, para extorção, e, como não poderia deixar de ser, para o homossexualismo.

Infelizmente, todos virão com suas "desculpas" diante do Trono de Deus um dia.
Mas lá o Julgamento será FINAL.

Filósofo Calvinista disse...

PARABENS PELO BLOG.
GOSTARIA DE CONVIDÁ-LOS E A TODOS SEUS LEITORES, A COMENTAREM UMA POSTAGEM SOBRE "O LADO NEGATIVO DA REFORMA PROTESTANTE, EM NOSSO BLOG:

www.filosofiacalvinista.blogspot.com

brunolima disse...

infelizmente muitas pessoas nao refletiram direito a respeito do tema, desafio a lerem o livro "Cristianismo e homossexualidade" que tem uma base argumentativa solida - nao literal fundamentalista - teologica e biblica a respeito do tema, responde a todas as questões levantadas aqui, traz todos os textos biblicos sobre a suposta condenação a homossexualidade, eis um livro que ira fazer parar para pensar e refletir criticamente.... o livro pode ser encontrado no site www.cristianismoehomossexualidade.xpg.com.br

Anônimo disse...

oi sou sim homosexual vivo em uma igreja protestante a qui no recife pretendo me filiar- se aesta nova igreja ela estar de parabens porque tem muitas pessoas nas igrejas protestantes ou evangelicas no recife que e homosexual e tem reseio ouvergonha de servir a Deus pela forma que ele e um abraço e desculpa as falhas de ortografias.

Neto disse...

Brunolima e Anonimo,

não se deixem levar pelo engano.
A Bíblia TODA é clara quando condena o homossexualismo.
Da mesma forma que ela condena IMAGENS, mas sempre inventam formas de burlar isso, pra dizer que é permitido. Condena o casamento multiplo, mas tentam burlar isso. Condena a lascivia, mas disfarçam isso. Condena o adulterio, e tentam burlar isso!

Sempre se inventam desculpas ou distorcem a Palavra, mas isso nao passa de HIPOCRISIA.

Amados brunolima e anonimo, a Bíblia toda condena o homossexualismo de capa a capa. Desde a Criação, passando por Sodoma e Gomorra, na Lei do Povo de Israel, nos sermões de Jesus, nas cartas de Paulo... Ela toda abomina a homossexualidade! E não importa o que a sociedade diz. A própria sociedade é Anti-Deus, e não está nem aí para o que ELE diz! Para o próprio azar dela.

Abandonem esse engano! Não achem que so porque estao em uma igreja que "te acolhe", você está a salvo da Ira de Deus. O grupo te acolheu, mas Deus não.
Falo isso com amor.

A homossexualidade é pecado, assim como a mentira é, a fofoca é, o assassinato, o ódio, o engano, a cobiça... E, assim como esses ultimos, Deus concederá arrependimento para abandonar, se confessarem e abandonarem!

Abandonem essa rebeldia, se aproximem pela fé no Filho de Deus, e tão SOMENTE nEle, e serão aceitos por Deus com toda certeza!!!! Mas SOMENTE assim, amados! A porta é estreita!!

Mas NÃO SE ENGANEM nem SE DEIXEM enganar! POR FAVOR! Senão será tarde demais quando perceberem isso!

Anônimo disse...

A palavra do Senhor diz que ao final dos tempos muita coisa esquisita vai acontecer e a prova está ai. Pessoas querendo Jogar a Palavra e o nome do Senhor na lama para justificar o pecado do qual é escravo. Só o sangue de Jesus para limpar toda essa sujeira. Espero que vocês um dia se encontrem com Cristo de verdade e sejam libertos, como tantos já foram no nome de Jesus. Timóteo estou orando por você e por sua família que é toda realmente evangélica, lavada e remida no sangue de Jesus. Jesus morreu por você.

Moisés disse...

Em primeiro lugar, Paz do Senhor!
Quero só fazer uma rápida observaççao em relação ao título da igraja "A igreja que pode tudo" o mais correto seria: "A igreja que pode QUASE tudo" porque infelizmente "não pode entrar no CÉU". Porque a Bíblia é clara quando diz que o pecado não entra lá, mais somente àqueles que forem lavados no sangue de JESUS! Agradeçam aos autores dessas críticas, porque vocês ainda tem tempo pra se arrependerem dessas imundícias, e se assim o fizerem, JESUS com certeza os perdoará.

Anônimo disse...

AMADOS IRMÃOS E AMIGOS EM MEIO A TODA ESSA DISCURSSÃO, VEJO QUE POUCAS PESSOAS TEM SE PREOCUPADO COM A VERDADEIRA INTENÇÃO DE TODO SACRIFICIO E AMOR DE DEUS PELAS PESSOAS. ELE É O PAI QUERIDO E AMOROSO E DEVE SER QUESTIONADO, INVESTIGADO E PROCURADO POR TODOS INDIVIDUALMENTE, ASSIM TODAS AS RESPOSTAS SURGIRÃO E TODAS AS DÚVIDAS, MEDO E TRISTEZA SE DISSIPARÃO.


AMEM ACIMA DE TUDO!!! ABANDONEM ESSE INFERNO QUE NÃO É CRIAÇÃO DE DEUS!!!

Postar um comentário

Deixe um comentário

 
Pesquisa personalizada