sexta-feira, 5 de junho de 2009

To pagandooo !!!



A atriz Katiuscia Canoro que interpreta a personagem Lady Kate em um programa da Rede Globo, sempre termina o seu quadro de humor usando o bordão, “to pagando”.


Pois é, o evangelho “determinista” usado por alguns dos evangélicos nos trás a impressão de que Deus é obrigado a responder positivamente os delírios e caprichos dos fiéis, afinal de contas, eles estão pagando pelas bênçãos recebidas.

O pastor Marcos Feliciano lançou nessa semana a campanha “O milagre vai acontecer.” Nele, o famoso pregador trás orientações práticas de como o milagre poderá acontecer, sendo que uma delas seria sacrificar o valor simbólico de R$ 7,00 (sete reais), que deverá será enviado através de depósito ou boleto bancário ou transferência eletrônica, para uma de suas contas bancárias. http://www.marcofeliciano.com.br/site2007/Campanha7DiasDeOracao.asp

Pois é, a prática do decreto e da oração determinista infelizmente se tornou muito comum ao meio evangélico. Em boa parte dos templos chamados cristãos é absolutamente normal vermos ou ouvirmos pessoas determinando a bênção em nome de Jesus. Vez ou outra, ouvimos histórias de pessoas que em nome de Deus "ofertaram" o que não podiam, e em virtude disto exigem o cumprimento de suas promessas.
Infelizmente, boa parte das mensagens pregadas pelos pastores brasileiros nos apontam o quão despreparados estão nossos ministros. Suas mensagens são rasas, sem substância, empobrecidas teologicamente, cheia de modismos, unções, decretos, e determinismos os quais tem reverberado vergonhosamente em todo território nacional.
Em nome do "gospel", muita gente tem vivido a vida nababescamente, ganhando milhares de reais, mercadejando a palavra da verdade. Assusta-me o fato de que alguns, em nome de uma espiritualidade cristã têm cobrado um “pequeno valor simbólico de R$ 7,00” para experimentar o milagre de Deus em suas vidas. Ora, que Cristianismo é esse? Que evangelho é esse? Sem nenhum receio afirmo que esse não é o cristianismo idealizado por Jesus, e nem tampouco o Evangelho da Bíblia, antes o evangelho que alguns dos evangélicos fabricaram!
Infelizmente, parte da igreja deixou a muito de ser a Comunidade da Palavra para ser a comunidade dos decretos e determinismo.
Amados irmãos, não dá pra vivermos a vida cristã de profecia em profecia, de decreto em decreto. Mais do que nunca, essa é a hora de regressarmos a Palavra de Deus, de redescobrirmos os seus preciosos tesouros, de fazermos das Sagradas Letras nossa referência de fé e de comportamento.
Que Deus nos ajude, e tenha misericórdia de seu povo, porque caso contrário o “bicho” vai pegar!

Pense nisso!

Fonte: Renato Vargens

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe um comentário

 
Pesquisa personalizada